Entidades de defesa da Mulher têm nova reunião na segunda (20)

O Comitê de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher terá nova reunião na segunda (20), às 10h, no Fórum Distrital da Zona Sul, para tratar da programação referente ao Dia Internacional da Mulher, em 8 de março, e para as atividades até o final do semestre. A informação é da juíza Fátima Soares, representante do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) neste grupo. A câmara é formada pela Coordenadoria Estadual de Políticas para as Mulheres, Ministério Público Estadual, Secretaria da Secretaria de Política para as Mulheres de Natal, Conselho Municipal dos Direitos da Mulher e Juizado da Violência Doméstica.

Integrante do comitê, a promotora Érica Canuto, foi convidada para apresentar o trabalho desenvolvido pelo Núcleo de Apoio à Mulher Vítima de Violência Doméstica e Familiar, em Nova Iorque, em maio. O núcleo em um ano, reuniu sete turmas com dez homens que já praticaram atos violentos contra mulheres e após passarem por este trabalho, não mais reincidiram na prática. Oriundos de todas as classes sociais, eles foram processados judicialmente por suas condutas.

Membro da Federação Internacional de Mulheres da Carreira Jurídica, Ana Paula Perciano, também estará nesta exposição de trabalhos realizados no Brasil neste segmento. Ela destaca, entre diversos grupos femininos vítimas da violência, a situação das presidiárias. “Maioria é vítima do tráfico e por isso, é necessário todo o esforço para reinserí-las na sociedade, e cada dia mais e mais mulheres tem sido presas”, observa a estudiosa ao mencionar o seu Estado, o Espírito Santo, “um dos mais violentos do país”, com crescente violência contra a parcela feminina da sociedade.

Notícias Relacionadas

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200