Semana Nacional de Conciliação no RN soma mais de R$ 5 milhões em acordos

A Secretaria da Semana Nacional da Conciliação apresentou o balanço final dos trabalhos realizados de 2 a 6 de dezembro em todo o Estado. Em cinco dias, foram realizadas 2615 audiências com 1361 acordos, 52% de entendimentos firmados entre as partes envolvidas, sobretudo clientes e empresas prestadoras de serviços, entre elas financeiras, bancos, operadoras de telefonia. O volume de acordos firmados chegou a R$ 5,090 milhões. Resultado mais de 60% superior ao obtido em 2012, quando o montante de acordos chegou a R$ 3 milhões.

Para a desembargadora Zeneide Bezerra, coordenadora do Núcleo de Ações e Programas Socioambientais do TJRN (Naps), a conciliação é um caminho sem volta para o Judiciário, uma tendência de atuação cada vez mais presente no dia a dia de juízes e compreendida pela população como um caminho a ser seguido e que vale a pena, no qual todos ganham.

Juízes, servidores do Judiciário Estadual, estudantes de direito e advogados atenderam a 6007 pessoas no Rio Grande do Norte. Gente que se dirigiu às unidades distribuídas pelo Tribunal de Justiça potiguar em várias cidades do Rio Grande do Norte.

O maior dia de fechamentos de acordos foi a sexta-feira (6), com R$ 1,456 milhão em entendimentos financeiros acertados entre os polos das disputas. Neste dia, o conselheiro do Conselho Nacional de Justiça, Paulo Eduardo Teixeira, participou dos trabalhos de conciliação na Faculdade Maurício de Nassau, onde ocorreu mais de 1 mil audiências. Só ele, homologou acordos que totalizaram mais de R$ 30 mil.

Natal, Areia Branca, Mossoró, São José de Mipibu, Parnamirim, Jardim de Piranhas e Currais Novos foram algumas das cidades participantes da Semana Nacional de Conciliação em sua oitava edição em todo o Brasil.

 

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200