NOADE e SMS discutem melhorias no atendimento aos dependentes químicos

O Núcleo de Orientação e Acompanhamento aos Usuários e Dependentes Químicos de Natal do Tribunal de Justiça (NOADE) se reuniu na manhã de hoje com a secretária de saúde de Natal, Maria do Perpétuo Socorro Lima Nogueira e a Coordenação de Saúde Mental de Natal para discutir a atual situação, bem como as melhorias do serviço de saúde mental oferecido nos Centros de Atenção Psicossocial Álcool e Drogas (CAPS-AD) e no Ambulatório de Prevenção e Tratamento do Álcool e outras Drogas (APTAD).

Visitas e problemas constatados

Na avaliação feita pelo NOADE, o serviço oferecido na área de saúde mental no ano de 2011 encerrou com um quadro bastante caótico. Tal constatação é fruto das visitas realizadas no CAPS-AD e no APTAD, já que uma das metas do NOADE é acompanhar as atividades dos dois órgãos, que pertencem à Prefeitura de Natal. A coordenadora do NOAD, Lucineide Nascimento, disse que a parceria com a Secretaria Municipal de Saúde-SMS é de suma importância, pois toda a demanda na área de serviço mental é encaminhada para os CAPS (que atende os casos menos graves) e APTAD (que atende os casos mais graves).

De acordo com a coordenadora, em 2011 o APTAD foi interditado pelo Conselho Federal de Medicina diante das condições de insalubridade (grande quantidade de mofo e cupins no local) constatadas. No CAPS Leste a dificuldade era de pessoal e de insumos (material de consumo, medicamentos, etc.). Por tal razão, a unidade de saúde teve que ser fechada em alguns momentos. No CAPS Norte, haviam os mesmos problemas (faltavam materiais de expediente, de higiene, alimentos, etc.).

Melhorias

Diante disso, no retorno das atividades do NOAD neste ano, o núcleo reuniu-se na manhã de hoje com a Secretária Municipal de Saúde para discutir os problemas e apontar as melhorias no serviço oferecido. Dentre tais melhorias, a secretária destacou: o funcionamento 24 horas do CAPS Norte a partir deste ano; a transformação do APTAD em CAPS-AD até o início do segundo semestre deste ano, passando a funcionar como um pronto-socorro para atendimento clínico abrangendo toda a demanda, inclusive a demanda aberta.

A Secretária também informou que: esse novo CAPS vai abrir com cinco leitos inicialmente, com planos para ampliar para 10 a 12 leitos de atendimento, atendendo a uma portaria do Ministério da Saúde. Contará com uma equipe composta por psiquiatras de plantão para atender a demanda; após passar por uma reforma recentemente para se adequar ao novo modelo de CAPS 24 horas, o CAPS Leste inicia na próxima segunda-feira, 26, o novo horário de atendimento, com mais funcionários (três psiquiatras, sendo um em atendimento em horário diurno e dois também no plantão; um redutor de danos, que é p profissional que orienta o dependente químico para aderir ao tratamento, sem que ele passe por uma abstinência total).

Novo serviço

Em novembro do ano passado foi inaugurado um novo serviço, que é o Consultório de Rua, que tem dois funcionando em Natal. O serviço dispõe de uma equipe de profissionais diversos que saem às 17h30 até às 21 horas em determinados pontos da Capital fazendo atendimento às pessoas que moram na rua, levando auxílio para os moradores de rua (remédios, preservativos, alimentação).

O objetivo é criar um vínculo com essas pessoas e ganhar assim a confiança delas para que depois se possa oferecer o tratamento, com a possibilidade maior de aceitação do público alvo, que são os dependentes químicos e os profissionais do sexo. O serviço é em dois grupos: um grupo atende às pessoas que vivem próximo à Catedral Metropolitana de Natal nas segundas e quartas-feiras; um outro atende às pessoas que vivem na Prudente de Morais nas terças e quintas-feiras.

De novembro de 2011 até o presente mês, o Consultório de Rua já fez 125 atendimentos, com o êxito de ter inserido 17 pessoas nos tratamentos oferecidos, inclusive com o retorno de algumas dessas pessoas para suas famílias. Outras conseguiram fazer suas documentações, como Documento de Identidade e outras foram encaminhadas para albergues.

Parceria

Para a coordenadora do NOADE, a reunião foi bastante produtiva e positiva, já que considerou a Secretária muito solícita, aberta à sugestões e preocupada com o tema discutido. Lucineide Nascimento explicou para a Secretária a importância do fortalecimento da parceria do Executivo local com o Judiciário e que este tem o propósito de somar, para a obtenção de serviço cada vez melhor. A Secretária se colocou à disposição do Judiciário para o que for preciso nesse sentido.

Participaram também da reunião: a assistente social Luiza Andréia Souza; as psicólogas Cláudia Simone Mello e Mayse Cristiane Mesquita; e a pedagoga Naira Solange Rodrigues, todas do NOADE, além da coordenadora de Saúde Mental Márcia Biegas e demais integrantes da equipe da Secretaria Municipal de Saúde-SMS.

 

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200