ADJ analisa 3.100 processos em Juizados e Turmas Recursais

O programa de Apoio ao Desempenho Jurisdicional (ADJ), grupo formado por servidores e estagiários para dar suporte aos Juizados Especiais (Jesp) do RN, analisou mais de 1.800 processos nos seis meses em que atuou nas Turmas Recursais do Tribunal de Justiça (TJRN). Paralelamente, a equipe apreciou mais de 1.300 feitos durante os três meses de atividade no 1º e no 3º Juizados da Zona Norte de Natal.

A coordenadora dos Jesp no Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, juíza Sulamita Pacheco, ressaltou a importância do ADJ no sentido de contribuir decisivamente na celeridade e diminuição de processos no âmbito do Judiciário potiguar. Ela destacou, no caso das Turmas Recursais, que o número de feitos analisados pelo programa, mensalmente, superou o número de novas ações ajuizadas no mesmo período.

O Apoio ao Desempenho Jurisdicional atua prioritariamente nas Comarcas onde a demanda reprimida é alta. A ação da equipe consiste na confecção de sentenças, que posteriormente são analisadas e homologadas pelo juiz responsável. A redução do número de processos pendentes tem superado as expectativas. “O próximo passo é o Juizado Especial de Caicó”, disse a juíza Sulamita Pacheco.

Notícias Relacionadas

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200