Censo: 52,75% dos servidores do Judiciário potiguar responderam questionário

Publicado em Terça, 24 Setembro 2013 09:00

Mais da metade dos servidores do Poder Judiciário potiguar responderam ao Censo que está sendo realizado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ) com participação de 94 instituições. Até o momento, 1.669 servidores dos 3.164 servidores do TJRN aptos responderam o questionário de 43 perguntas elaboradas pelo Conselho, o que representa 52,75% de adesão. Em todo país, são 272.430 servidores, dos quais 125.821 (44,18%) já participaram do Censo Nacional. A participação é facultativa.

De acordo com o CNJ, o questionário ficará acessível para os servidores até 9 de outubro, quando será iniciado o trabalho de elaboração do censo dos magistrados. O questionário foi elaborado por especialistas do Departamento de Pesquisas Judiciárias (DPJ), do CNJ, e pretende descobrir desde o grau de envolvimento dos servidores com suas atividades até o nível de satisfação com as funções e o local de trabalho. A pesquisa também toca em pontos menos subjetivos, como a média de horas trabalhadas no dia, o nível de escolaridade e o estado civil.

Com a compilação dos dados, o Censo servirá como importante fonte de informações para a avaliação das políticas de recursos humanos existentes no Poder Judiciário. As informações fornecidas pelos participantes são sigilosas e só serão divulgadas em estatísticas.

O presidente da Corte Estadual de Justiça, desembargador Aderson Silvino, destacou a importância da participação de todos os servidores do Judiciário potiguar neste censo, instrumento que irá proporcionar avanços na Justiça brasileira e vai aumentar o nível de conhecimento sobre o que os servidores pensam sobre seu trabalho, o Poder Judiciário e os caminhos para o futuro. Ele lembra que em média, o questionário pode ser respondido em até 5 minutos.

Os servidores detentores de cargo efetivo ou cargos em comissão devem acessar o endereço www.cnj.jus.br/censo, fazer o acesso ao questionário eletrônico utilizando o número do respectivo CPF e responder às perguntas.