Temas estratégicos escolhidos por servidores são enviados ao CNJ

Os magistrados e servidores do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte (TJRN) escolheram os temas propostos para o planejamento estratégico do Poder Judiciário Nacional. Os temas, que reúnem os objetivos, representam os pilares da gestão estratégica. A priorização dos temas teve como base a frequência das escolhas, sendo encaminhados ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ), como prioridades estratégicas do TJRN para o quinquênio 2015-2019.

A pesquisa sobre os temas estratégicos no âmbito do TJRN foi feita nos dias 20 e 21 de junho, com a participação de 374 participantes que responderam aos questionamentos, enviados por e-mail a magistrados e servidores do Poder Judiciário potiguar.

Os temas enviados pelo TJRN foram: efetividade jurisdicional e administrativa com a transparência de gestão; eficiência operacional com foco no combate à improbidade e à corrupção; carreiras judiciárias e inovação tecnológica e gestão de custos com racionalização do uso de recursos.

“Essa pesquisa consiste na demonstração inequívoca que a administração central busca aperfeiçoar a gestão com a participação efetiva de servidores e magistrados no processo decisório institucional, além de despertar e reforçar o sentimento de pertencimento à organização" observou o secretário de Planejamento e Gestão Estratégica do TJRN, Heitor César.

Recebidas as propostas dos Tribunais Federais e Estaduais, o CNJ vai analisá-las e integrá-las para iniciar o desenvolvimento do Mapa Estratégico Nacional que irá nortear as estratégias da Justiça Brasileira para 2015-2019. A intenção do Conselho é propor diretrizes que possibilitem oferecer uma direção nacional às operações e projetos de todos os Tribunais.

Confira aqui os dados completos da pesquisa.

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200