Mutirão de conciliação em Monte Alegre reduz demanda reprimida dos Juizados Especiais

A Coordenação dos Juizados Especiais (JEs) do Tribunal de Justiça, em parceria com o Fórum de Monte Alegre, realizou mais um mutirão de conciliação que visou o enfrentamento da demanda reprimida de processos. Ao todo, foram 53 audiências realizadas, entre cíveis e criminais. As conciliações geraram um montante de R$ 15,8 mil em acordos.

As audiências foram realizadas pelos servidores Cláudio Viana, assessor de Planejamento Estratégico dos JEs, e pelo conciliador Ticiano Marques, da Comarca de Monte Alegre. De acordo com Viana, o objetivo foi atender o maior número possível de cidadãos que aguardavam as audiências há meses. “Surtiu efeito positivo, contribuindo para a redução do número de feitos pendentes e a nossa intenção é realizar outras ações desse tipo para enxugar totalmente a pauta”, frisou Marques.

O juiz de Monte Alegre, Marcos Sampaio, afirmou que o mutirão de conciliação foi uma forma de compensar as comarcas com carência de servidores e com uma demanda de trabalho crescente. “Esse apoio é importante como compensação porque ajuda a desafogar a pauta”, explicou.

Notícias Relacionadas

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200