Secretários apresentam metas no Dia do Planejamento

Com o objetivo de acompanhar mais de perto o andamento dos projetos estratégicos de cada secretaria do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, a Secretaria Geral criou o “Dia do Planejamento”, que consiste em uma reunião mensal com os secretários para que seja avaliada a situação de cada um destes projetos.

O primeiro encontro ocorreu na última quarta-feira (13) quando os secretários do Tribunal de Justiça apresentaram suas metas para o ano de 2013. Participaram da reunião o secretário geral Wlademir Capistrano, Valkíria Guedes (Secretaria Judiciária), Dario Maciel (Administração), Luciana Targino (Orçamento e Finanças), José Pereira (Planejamento Estratégico), José Jailson (Controle Interno), Gerânio Gomes (Informática), Juliska Azevedo (Comunicação), Cel. Joselito Paiva (Segurança Institucional)

Para o secretário geral Wladimir Capistrano a medida contribui pra que o Poder Judiciário consiga alcançar as metas estratégicas, bem como, as metas da gestão do desembargador Aderson Silvino, presidente do TJRN.

 

Metas

O cumprimento de seis metas estabelecidas pelo Conselho Nacional de Justiça para o ano de 2013 é uma das prioridades estabelecidas pelo Tribunal de Justiça em suas ações estratégicas para o biênio 2013/2014. “O planejamento de ações estratégicas e o acompanhamento e atendimento das metas do CNJ é mais do que o simples cumprimento de uma obrigação legal do Poder Judiciário do Rio Grande do Norte. Trata-se na verdade do compromisso do Tribunal de Justiça com a prestação de um serviço público eficiente e de qualidade”, assinala Wlademir Capistrano.

Quanto às recomendações a serem seguidas, o Poder Judiciário do Rio Grande do Norte deve engajar todos os setores, alta administração e colaboradores, com a estratégia; elaborar e implantar plano de comunicação da estratégia; elaborar planos de aquisição integrados à estratégia; e garantir a estrutura mínima das unidades de planejamento e gestão estratégica às demandas existentes.

 

Conheça as metas estabelecidas pelo CNJ

Meta 1 – Julgar mais processos de conhecimento do que os distribuídos em 2013.

Meta 2 – Julgar, até 31/12/2013 pelo menos 90% dos processos distribuídos em 2008 nas Turmas Recursais Estaduais e no 2º Grau da Justiça Estadual.

Meta 16 – Fortalecer a unidade de controle interno no Tribunal.

Meta 17 – Desenvolver, nacionalmente, sistemas efetivos de licitação e contratos.

Meta 18 – Identificar e julgar, até 31/12/2013, as ações de improbidade administrativa e ações penais relacionadas a crimes contra a administração pública, distribuídas até 31/12/2011.

Meta 19 – Realização de parcerias entre o Conselho Nacional de Justiça, os Tribunais de Justiça, os Tribunais Federais, os Tribunais Regionais Eleitorais e os Tribunas de Contas, para aperfeiçoamento e alimentação do Cadastro Nacional de Condenações Cíveis por ato de improbidade administrativa.

Notícias Relacionadas

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça 7 de Setembro, S/N, Natal/RN, 59025-300 - (84) 3616-6200