Boletim - 22-05-2013 (2)

PRAZO PARA QUESTIONAR COMISSÃO DO CONCURSO PARA MAGISTRATURA É DE CINCO DIAS

A juíza Sandra Dantas Elali, presidente da Comissão do Concurso de Provas e Títulos para ingresso na carreira da Magistratura do Poder Judiciário potiguar, concedeu o prazo de cinco dias úteis, para possíveis contestações dos novos membros da equipe que coordenará a seleção. O prazo passa a contar da data de publicação do edital, ocorrida em 20 de maio.

Uma nova comissão foi escolhida devido as declarações de impedimentos de alguns desembargadores que faziam parte da anterior. Segundo o secretário geral do TJRN, Wlademir Capistrano, com a publicação da resolução, a banca organizadora do concurso (Cespe/UnB) será informada da mudança e fará um novo cronograma do concurso. A expectativa é que o novo documento fique pronto na próxima semana.

O concurso oferece 40 vagas para o cargo de juiz substituto. A carreira de juiz é dividida em entrâncias e começa com o cargo de juiz substituto, depois para a 1ª, 2ª e 3ª entrâncias. Os demais cargos são ocupados após promoção.

Desde que foi alterada, a Comissão do concurso passou a ser presidida pela juíza Sandra Elali. Além da magistrada, participam enquanto membros titulares os juízes Cornélio Alves de Azevedo Neto, Francisco Seráphico e Érika Duarte Tinôco; além do advogado Armando Holanda Leite, como representante da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB/RN).

Notícias Relacionadas

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200