Pró-Vida planeja retorno das atividades no TJRN

O Pró-Vida, Programa de Qualidade de Vida do Poder Judiciário do Rio Grande do Norte, deverá retomar suas atividades no próximo dia 4 de março, a fim de atender a necessidade de promover ações preventivas e permanentes voltadas ao reequilíbrio da saúde física, mental e espiritual do servidor.

O juiz Madson Ottoni de Almeida, diretor do Foro de Natal, antecipou, nesta terça-feira, 26, prováveis atividades que serão realizadas no Fórum Miguel Seabra Fagundes, entre elas, as sessões de Ioga. Uma sala para Oficina de Música também está nos planos do programa, que integra o setor de Recursos Humanos do TJRN.

O Pró-Vida foi implantado por meio da Resolução Nº 042/2011-TJ, de 14 de setembro de 2011, ao se considerar o elevado índice de absentismo (falta do servidor em instituições), ocasionado principalmente por problemas de saúde do servidor (físico-mental-espiritual) comprometendo a celeridade e a eficácia da prestação jurisdicional.

O Programa também surgiu da necessidade de implantar um conjunto de ações preventivas e permanentes que garantam ao servidor melhor desempenho de suas funções, gerando melhores resultados em sua produtividade e maior nível de satisfação em relação ao ambiente de trabalho.

A Resolução também veio atender aos indicadores do Planejamento Estratégico Estadual e Nacional nº 34 (índice de clima organizacional), 35 (índice de absenteísmo), 36 (índice de prevenção de saúde) e 40 (índice de condições de trabalho), bem como, a Norma Regulamentadora nº 17 do Ministério do Trabalho.

O Pró-Vida é desenvolvido em parceria com o Departamento Médico e com o Núcleo de Programas e Projetos Sócioambientais (NPPS) do TJRN.

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200