Desembargadores aprovam plano de auditoria interna no TJRN

O Pleno do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte aprovou nesta quarta-feira (23) o Plano Anual de Atividades de Auditoria 2013 que tem o objetivo de auxiliar a administração na busca pela regular gestão dos recursos públicos, através do exame dos controles internos, com ênfase na avaliação de resultados, à otimização dos custos e à correção dos problemas organizacionais, funcionais ou operacionais. As atividades de auditoria auxilia, inclusive, o Controle Externo (CNJ e TCE) no que diz respeito a fiscalização quanto à observância aos princípios constitucionais da Administração Pública.

De acordo com o plano, as modalidades de auditoria que poderão ser empregadas são: Avaliação de Gestão, de Acompanhamento de Gestão, de Programa, de Pessoal, Operacional, Patrimonial, Contábil-financeira ou Especial, a depender da área de atuação.

De acordo com o cronograma, as áreas que passaram por auditoria interna serão:

Controle Interno: avaliar as estruturas das unidades ou núcleos de controle interno e as atividades desenvolvidas. A auditoria será no período de março e abril.

Obras Públicas: avaliar os aspectos técnicos e legais das obras em execução e os custos e preços de orçamentos das obras. A auditoria será nos meses de abril de maio.

Tecnologia da Informação: avaliar os critérios estabelecidos em governança, riscos e controles de TI e a existência de controles internos definidos para mitigar os riscos de atividades. A auditoria será nos meses de junho e julho.

Notícias Relacionadas

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200