Rádio web: audiência de interdição por videoconferência e ações da Copegam são temas de programas

O programa da rádio web Justiça Potiguar "Por Dentro da Lei" desta semana fala sobre o projeto implantado pela 2ª Vara de Família de Parnamirim para realização de audiências de entrevista em processos de interdição, por meio de sistema de videoconferência. A interdição de pessoa é uma ação que declara a incapacidade de um indivíduo em exercer atos da vida civil.

Em entrevista à jornalista Carol Reis, a juíza Daniella Simonetti explica que para ser declarada incapaz a pessoa deve ter dificuldade para compreender as consequências de suas ações e decisões, por algum transtorno mental, dependência química ou doença neurológica, o que será devidamente atestado por perícia médica.

A magistrada ainda traz aos ouvintes do programa Por Dentro da Lei, detalhes sobre o processo de interdição, bem como as atribuições legais do curador, pessoa que terá a curatela do indivíduo considerado incapaz. Ela também alerta que essas ações não devem ser tomadas indiscriminadamente, já que a interdição é um ato que limita a atuação civil de alguém.

O programa "Por dentro da lei" vai ao ar às segundas, a partir das 11h30, com reprises nas quartas, às 13h, e nas sextas, às 11h30.

Meio Ambiente

O programa Em Mesa destaca as ações da Coordenadoria Permanente de Gestão Ambiental (Copegam) do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Norte, a qual atua nos projetos de integração com a comunidade por meio de um calendário de atividades voltadas à preservação ambiental, hábitos saudáveis, atendimento na área da saúde e consumo consciente. Tradicionalmente o mês de junho é marcado por um calendário de atividades organizado pela Copegam, onde são tratadas, dentro e fora do Tribunal, questões relacionadas aos impactos que causamos no meio ambiente através de nossas ações diárias.

Em entrevista à jornalista Carol Reis, a juíza Fátima Soares, coordenadora estadual da Copegam, apresenta aos ouvintes do programa Em Mesa, as principais ações da coordenadoria. A magistrada conta sobre a história do grupo que antes configurado como uma comissão, hoje recebe formato de coordenadoria, já que as ações agora abrangem comarcas no interior do estado.

O programa “Em Mesa” vai ao ar na terça-feira, às 10h, com reprises sexta, ao meio dia e às 16h45, pela Rádio Web Justiça Potiguar.

Acompanhe nossa programação completa e tenha acesso a todas as nossas entrevistas em: http://www.tjrn.jus.br/radioetv/

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200