Serviços telefônicos do TJRN facilitam acesso da população à informações processuais

O cidadão que deseja obter informações sobre a situação de processos em trâmite na Justiça Estadual potiguar tem a sua disposição o Disque Justiça e o Núcleo de Informações Processuais (NIP). Juntos, os dois serviços telefônicos do Poder Judiciário do RN receberam mais de 130 mil chamadas durante o ano de 2019. Entre as informações prestadas estão também a localização de unidades judiciárias, seus telefones e horários de funcionamento; e esclarecimentos sobre plantões judiciários.

Os dois serviços têm como foco prestar um atendimento em linguagem acessível ao cidadão, trabalhada para evitar o uso desnecessário de termos jurídicos, procurando sempre facilitar o entendimento do usuário.

Além de trazer comodidade para o jurisdicionando, ao dispensar a necessidade de se dirigir até um fórum para buscar informações, os serviços telefônicos terminam também por reduzir o fluxo de pessoas nas dependências dos fóruns, o que reflete em economia de manutenção e conservação dos edifícios, em especial banheiros e corredores; mais vagas de estacionamento disponíveis; menos riscos quanto à segurança, entre outros.

Criada em dezembro de 2017, no Fórum Miguel Seabra Fagundes, a Central de Atendimento ao Usuário (Disque Justiça) contabilizou 28.501 atendimentos em 2019. O Disque Justiça fornece informações sobre processos de primeira instância e dos Juizados Especiais de todas as comarcas do Estado. O serviço atende de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, por meio do número 0800-2800159 (ligação gratuita). A Central também pode ser acionada por meio do e-mail O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo. . Mesmo que o interessado ligue em busca de outras informações, recebe a orientação sobre quais órgãos deve procurar para sanar suas dúvidas. O serviço conta com uma equipe de cinco atendentes.

Os serviços telefônicos também ajudam o trabalho das secretarias judiciárias, cujos servidores podem se dedicar apenas aos procedimentos de movimentação processual e atos de gestão.

Instalado no Complexo Judiciário, em Potilândia, o NIP é responsável por prestar informações no âmbito dos Juizados Especiais do Rio Grande do Norte e das unidades instaladas no Complexo, por meio do telefone 3616-6600. No ano passado, das 82.092 chamadas recebidas de partes, 61.779 foram resolvidas pelo próprio atendimento, um percentual de 82%. Outras 11.315 chamadas (18%) foram direcionadas para as secretarias das unidades para resolução. Além disso, o NIP direcionou 20.313 chamadas de advogados paras as secretarias. O serviço conta com sete atendentes, o que resulta numa média de 14.630 pessoas atendidas por cada um deles no ano passado.

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200