Novos Rumos promove curso para formação de voluntários na Apac Macau

O programa Novo Rumos na Execução Penal, do Tribunal de Justiça do RN, iniciou nesta segunda-feira (8), em Macau, um curso de formação de voluntários sobre o método da Associação de Proteção e Assistência aos Condenados (APAC). Atualmente, a comarca abriga a única unidade do Rio Grande do Norte a seguir essa metodologia.

O curso tem por intuito reciclar as vivências dos atuais voluntários e funcionários, como também de direcionar os novos voluntários a uma dinâmica fiel ao modelo proposto.

De acordo com Guiomar Veras, servidora do Novos Rumos e instrutora do curso, um total de 64 inscritos participam da formação. Segundo ela, “é toda uma rede nacional que está mobilizada na intenção de repassar conhecimento sobre a metodologia APAC de maneira a manter a fidelidade do método e evitar amadorismo ou improviso por parte dos voluntários e funcionários envolvidos no projeto”.

O curso de formação faz parte de uma agenda nacional direcionada pela Fraternidade Brasileira de Assistência aos Condenados (FBAC/MG), executada em todas as APACs do país. Em Macau, o curso deve seguir até o dia 8 de julho, com encontros semanais.

Ressocialização

A Apac de Macau tem oito anos de existência e tem capacidade para comportar cerca de 30 apenados. A unidade registra altos índices de ressocialização de apenados, com baixo custo.

O trabalho da APAC dispõe de um método de valorização humana que oferece ao sentenciado condições de se recuperar. Partindo da premissa de que quando o infrator está recuperado, a sociedade se torna mais segura, prevenindo o surgimento de novas vítimas.

O foco da metodologia adotada consiste na valorização do indivíduo como ser integral, resgatando valores inerentes à personalidade humana. Esse método capacita o apenado a voltar a conviver em sociedade pacificamente, de forma harmoniosa. A participação da sociedade é fundamental para a sustentação desse modelo e acontece por meio do trabalho voluntário junto aos sentenciados da unidade.

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200