João Pessoa sedia 78º Encontro do Colégio Permanente de Corregedores Gerais dos TJs

A  conduta do magistrado nas redes sociais, Cadastro Nacional de Adoção, Programa de Promoção de Magistrados, a eficiência do magistrado em sua unidade jurisdicional, Banco de Ações Coletivas, protesto de custas judiciais, apadrinhamento afetivo e inspeções periódicas automatizadas e capacitação em gestão, serão os temas discutidos no 78º Encontro do Colégio Permanente de Corregedores Gerais dos Tribunais de Justiça do Brasil. O evento começou hoje, quarta-feira (13), e prossegue até a sexta (15), no Hotel Manaíra, em João Pessoa.

A corregedora geral de Justiça do TJRN e secretária do Colégio de Corregedores, desembargadora Maria Zeneide Bezerra e a juíza corregedora auxiliar, Fátima Maria Costa Soares de Lima participarão do Encontro que “sempre soma experiências e intercambia novas ideias, proporcionando, assim, que os procedimentos e projetos se unifiquem no âmbito nacional”, como coloca a corregedora norte-rio-grandense.

O anfitrião do encontro, corregedor-geral de Justiça, desembargador José Aurélio da Cruz, já formalizou toda a programação, que pode ser conferida através de um banner e do link da Corregedoria dispostos na página principal do Portal do Tribunal de Justiça da Paraíba (www.tjpb.jus.br), no qual também se encontra disponível o formulário de inscrição.

A abertura do evento ocorreu às 9h na Sala de Sessões do Pleno do TJPB com credenciamento e início dos trabalhos previstos para as 14h no Hotel Manaíra.

Durante o encontro, serão proferidas oito palestras. O ministro João Otávio de Noronha, corregedor nacional de Justiça, abordará o primeiro tema: ‘A conduta do magistrado nas redes sociais’. O segundo assunto discutido será ‘Cadastro Nacional de Adoção’, pela juíza auxiliar da Corregedoria Nacional de Justiça Sandra Silvestre.

Ainda nesta quarta, o juiz corregedor do Tribunal de Justiça da Paraíba, José Herbert Luna Lisboa, falará acerca do ‘Programa de Promoção de Magistrados – Promagis’.

Na manhã do dia 14 de junho, serão debatidos os seguintes temas: ‘A eficiência do magistrado em sua unidade jurisdicional’, pelo desembargador Pedro Carlos Bitencourt Marcondes, do Tribunal de Justiça de Minas Gerais; ‘Banco de Ações Coletivas”, pelo juiz do Tribunal de Justiça da Paraíba Gutemberg Lacerda; e ‘Protesto de Custas Judiciais’, pela juíza-corregedora do TJPB Silmary Alves de Queiroga Vita.

No turno da tarde, a partir das 14h15, ocorrerá a sétima palestra com o tema ‘Apadrinhamento Afetivo’. O assunto será tratado pelo presidente do Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco, desembargador Luiz Carlos de Barros Figueiredo.

 

Com informações da Corregedoria Geral de Justiça do TJRN

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça 7 de Setembro, S/N, Natal/RN, 59025-300 - (84) 3616-6200