Entre Pais: experiência inovadora do Cejusc Natal que apoia famílias em resolução de problemas

Suporte emocional para pais e mães que procuram o Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc) de Natal para a resolução de situações que ocorrem no ambiente familiar. Está é a missão do grupo reflexivo “Entre Pais”, iniciado naquela unidade em 2017. O “Entre Pais” é coordenado pelas psicólogas Emília Rodat e Kátia Bezerra e tem o intuito de promover encontros antes das audiências para que os interessados possam conversar sobre temas como: alienação parental, separação e guarda, e desta maneira estejam mais abertos a um acordo cada vez mais pacífico.

O Cejusc de Natal é um dos centros de conciliação com melhores índices de resolução de problemas em perspectiva nacional, de acordo com a coordenadora do órgão, juíza Virgínia Rego.É uma das poucas unidades que trabalha com uma equipe capacitada para atuar nas três diferentes técnicas de: conciliação, mediação e justiça restaurativa (esta última abordada principalmente nas áreas criminais e da infância e juventude).

Os índices de acordo são mais altos na área da Família, isto porque, segundo a juíza, muitas vezes, nos conflitos interpessoais os envolvidos estão mais dispostos ao ajuste do que em outras áreas, como na cível, por exemplo.

Sistemática

Segundo Emília Rodat, o encontro inicial acontece para sensibilizar os pais, a partir deste, a adesão ocorre geralmente de forma espontânea, sendo um total de mais quatro encontros quinzenais de quatro horas cada.

Ao final, os participantes fazem um momento avaliativo, Emília conta que muitos falam da importância deste grupo e da diferença causada em suas vidas.

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça 7 de Setembro, S/N, Natal/RN, 59025-300 - (84) 3616-6200