Estudantes de Direito de duas instituições assistem sessões do Pleno

Nesta quarta-feira (30), a sessão da Corte do Pleno do Tribunal de Justiça do RN contou com a presença de acadêmicos do curso de Direito de duas instituições de ensino particulares de Natal como ouvintes.

O estudante do quinto período, Iugo Barbosa, da Universidade Potiguar (UnP), contou que muitos alunos visitam órgãos do Poder Judiciário por vontade própria. "Comparecer a audiências, conhecer órgãos que você precisa saber como funcionam até o final do curso, é muito importante, não só para elaboração de portfólio, mas para despertar o interesse dos alunos para que eles façam isso sem que seja cobrado", comentou o estudante.

Aluna do oitavo período da Estácio de Sá, Ana Kadja Paiva, acredita que as visitas agregam um conhecimento que não é visto em sala de aula. "Essas visitas ao pleno agregam principalmente para vermos como o Poder Judiciário funciona, a maneira como os desembargadores se comportam, e pra acompanharmos na prática o que vemos em sala de aula", contou a estudante, que já havia participado de outras visitas ao Pleno.

"O diferencial do Pleno é que ele é a segunda análise do Poder Judiciário sobre os processos, e ver como os processos em segunda instância se comportam, as decisões do desembargadores, as decisões monocráticas, as decisões colegiadas, são muito interessantes para nossa construção acadêmica. É importante ver vários pontos de vistas sobre um determinado processo", finalizou.

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça 7 de Setembro, S/N, Natal/RN, 59025-300 - (84) 3616-6200