Juizados: Núcleo de Informação Processual atinge mais de 40 mil atendimentos em oito meses de funcionamento

Desde o seu lançamento, em 26 de maio de 2017, o Núcleo de Informação Processual (NIP) dos Juizados Especiais do RN já atendeu 41.571 chamadas. Instalado no Complexo Judiciário, em Natal, o Núcleo atua no atendimento remoto, agilizando as informações e oferecendo orientações quanto à movimentação processual, contribuindo com mais conforto e qualidade ao jurisdicionado e ao advogado.

Por meio do telefone (84) 3616-6600, bem como os ramais correspondentes às secretarias dos Juizados Cíveis, Criminal e os da Fazenda Pública, uma equipe composta por sete atendentes, de segunda a sexta-feira, das 8h às 18h, recebe os mais variados tipos de solicitações de pessoas que têm processos tramitando nos Juizados Especiais da comarca de Natal, além de informações de endereços e horários de funcionamento das unidades do Poder Judiciário potiguar e orientações sobre o ajuizamento de ações.

Utilidade

Um dos diferenciais do serviço é o acesso rápido à informação e o esforço da equipe para tornar clara e compreensível a informação. “A linguagem utilizada busca evitar o uso desnecessário de termos técnicos, visto que procuramos sempre ajustar nosso discurso à linguagem cotidiana do cidadão, mas sem prejuízo das informações técnicas. Isso diminui muito a ansiedade e a angústia em compreender o que está acontecendo com o processo”, explica a juíza Sulamita Pacheco coordenadora dos Juizados Especiais do RN.

Para o servidor Henning Morais, coordenador do NIP, a criação do Núcleo é mais um canal de comunicação aberto ao usuário e se justifica pela demanda e pela facilidade que cria para o cidadão em obter informações. “Setenta por cento de nossos usuários são pessoas que não possuem advogado para acompanhar o processo, o que dificulta o entendimento da movimentação processual, por isso nos Juizados esse serviço se torna ainda mais necessário”.

De acordo com Henning, o índice de resolutividade do NIP é de 80%, quando se trata de atendimentos dispensados aos jurisdicionados que não possuem advogados, ou seja, a resolução da demanda sem precisar repassar a chamada para outro local.

Já a duração de um atendimento tem um alto grau de variabilidade, pois depende muito do nível de contato e experiência que o usuário tem com o Poder Judiciário, há casos que são esclarecidos em cinco minutos e outros em 40 minutos.

 

SERVIÇO

Serviço de Informação Processual

Telefone (84) 3616-6600

Segunda a sexta-feira, das 8h às 18h

Informações sobre o ajuizamento de ações, andamento processual, endereços e Plantões Judiciais

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça 7 de Setembro, S/N, Natal/RN, 59025-300 - (84) 3616-6200