Nupemec promove III Oficina de Comunicação Não Violenta

O Núcleo Permanente de Métodos Consensuais de Solução de Conflitos – Nupemec, através do seu presidente, desembargador Cornélio Alves e do coordenador estadual dos Centros Judiciários de Solução de Conflitos, juiz José Herval Sampaio Júnior, realizou, durante toda essa quarta-feira, 31, a III Oficina de Comunicação Não Violenta, na Universidade Federal do Rio Grande do Norte – Campus Natal.

A oficina - ministrada pela instrutora de cursos de mediação do CNJ, mediadora judicial Elanne Karinne de Oliveira Canuto - teve como público-alvo estudantes de graduação e pós-graduação de cursos de Psicologia, Serviço Social, Direito e Políticas Públicas, que atuam nas ações desenvolvidas pelo Observatório da População Infanto-juvenil em Contextos de Violência (OBIJUV) e Estagiários Conciliadores do Cejusc Parnamirm.

A turma contou com 40 alunos e a carga horária total foi de dez horas-aula. O Observatório é um grupo de pesquisa e extensão vinculado ao Departamento de Psicologia da UFRN, que realiza atividades na perspectiva da defesa e fortalecimento dos direitos de crianças e adolescentes.

O curso pretendeu consolidar política pública permanente de incentivo e aperfeiçoamento dos mecanismos consensuais de solução de litígios, prevista na Resolução Nº 125/2010 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), objetivando assegurar o direito à resolução dos conflitos por meios adequados a sua natureza e peculiaridade, com vista à boa qualidade dos serviços prestados e à disseminação da cultura de pacificação social através da adequada formação e aperfeiçoamento permanente de servidores e conciliadores.

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200