Audiência entre governo e servidores do ITEP termina sem acordo

A audiência de conciliação promovida pelo desembargador Assis Brasil, juiz convocado para o Tribunal de Justiça, ocorrida nesta tarde, 26, na sala da 3ª Câmara Cível, terminou sem que o Sindicato dos Policiais Civis e Servidores da Segurança Pública do Estado do Rio Grande do Norte e os representantes do governo chegassem a um acordo, pondo fim a greve no órgão.

Diante da inexistência de possibilidade de acordo, o desembargador Assis Brasil decidiu pelo restabelecimento do trâmite normal do processo, assim como dos efeitos da decisão liminar proferida pelo então relator da Ação Cível Originária, desembargador Rafael Godeiro, em toda a sua plenitude, inclusive com o retorno da aplicação diária da multa ao SINPOL, no valor de R$50 mil por dia de descumprimento.

Após apresentações de vários argumentos por ambas as partes, porém, diante da falta de propostas dos litigantes, o desembargador deu por encerrada a audiência sem a possibilidade de acordo. Assim, o caso será apreciado e decidido pelo Tribunal Pleno.




 

Notícias Relacionadas

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200