Cejusc Natal e Coordenadoria da Mulher realizarão oficinas sobre Violência Doméstica

Estagiários e servidores do Setor Psicossocial do Centro Judiciário de Solução de Conflitos (Cejusc) de Natal apresentaram proposta de intervenção multidisciplinar, a ser colocada em prática junto à população atendida pelos Juizados da Violência Doméstica da comarca da capital. A apresentação foi feita no auditório do Complexo Judiciário, no Conjunto Potilândia.

A proposta destaca a realização de oficinas temáticas e foi submetida à apreciação dos juízes coordenadores do Cejusc Estadual, Herval Sampaio e Cejusc Natal, Arklenya Pereira, assim como ao juiz coordenador estadual da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar e presidente do Fórum Nacional de Juízes de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher (Fonavid), Deyvis Marques.

Na ocasião, foram discutidos os detalhes para parceria na consecução do projeto em especial no tocante às oficinas voltadas à violência doméstica. O projeto é de autoria de um grupo de estagiários conciliadores em Psicologia e Serviço Social sob a coordenação e supervisão das servidoras designadas para o projeto, psicólogas Emília Araújo, Josie Araújo e Kátia Bezerra. A reunião foi realizada em 17 de fevereiro.

A partir de tais atividades, o Cejusc Natal e a Coordenadoria da Mulher pretendem implementar um serviço dê suporte às partes que enfrentam conflitos, mediante o desenvolvimento de oficinas temáticas, a intenção é privilegiar a intervenção em grupos, por se tratar de um espaço de escuta e de continência emocional bem como por atingirem  um maior número de pessoas numa mesma intervenção.

 

 

 

Tribunal de Justiça do Estado do Rio Grande do Norte - Praça Sete de Setembro, nº 34, Cidade Alta, Natal/RN, CEP 59025-300 - (84) 3616-6200